Estado de saúde de Bolsonaro é “grave, mas estável”, avaliam médicos

Estado de saúde de Bolsonaro é “grave, mas estável”, avaliam médicos

JUIZ DE FORA, MG – Uma junta médica composta por cinco médicos: dois da Santa Casa de Juiz de Fora e três do Sírio-Libanês, de São Paulo, entende que o candidato do PSL, Jair Messias Bolsonaro, ainda ‘não possui estabilidade hemodinâmica’ para ser transferido para São Paulo. Por conta dessa avaliação ele segue em Juiz de Fora.

O deputado federal foi examinado no início da madrugada desta sexta-feira (07) por uma junta de cinco médicos na Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora (MG). Ele passou por uma cirurgia de cerca de quatro horas na quinta (06), depois de ser esfaqueado por um homem que foi preso e identificado como Adelio Bispo de Oliveira, de 40 anos.

Conforme nota divulgada pelo hospital mineiro, “ele passará por uma nova avaliação” às 8h desta sexta, horário de Brasilia.

Durante uma coletiva de imprensa, Luiz Henrique Borsato, que conduziu a operação ao lado do cardiologista Eduardo Borato, o estado de saúde do candidato ao posto máximo da política brasileira é “grave, mas estável”.

As médicas do Hospital Sírio-Libanês Filomena Galas, Juliano Pinheiro de Almeida e Ludmilla Abraão Hajjar, também fizeram a mesma avaliação.

Bolsonaro se recupera na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital mineiro, mas está consciente e já recebeu familiares e assessores. Os médicos avaliam que ele deve ficar ao menos um período de sete a dez dias hospitalizado.

Paulo Sergio
ADMINISTRATOR
PROFILE

Carousel

Deixe um comentário

Seu email não será compartilhado em nenhuma hipótese! Algumas areas serão necessárias preenchimento *

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Últimos

Autores

Videos

Todos os Direitos Reservados ao GUIA BRASIL AMÉRICA ®.