Aeroporto de Los Angeles permite maconha a bordo. TSA ainda diz que é crime!

Aeroporto de Los Angeles permite maconha a bordo. TSA ainda diz que é crime!
Aeroporto Internacional de Los AngelesReprodução Internet

Pense bem antes de levar maconha com você na viagem: policia e TSA ainda divergem sobre a interpretação da lei local.

LOS ANGELES – No momento em que você vai viajar precisa primeiro levar em consideração algumas coisas. No caso do Aeroporto Internacional de Los Angeles, pense bem ao levar em sua bagagem, maconha.

Apenas tenha cuidado ao carregá-la no avião.

Uma política postada pela polícia do aeroporto diz que pequenas quantidades da erva podem agora ser levadas para um dos aeroportos mais movimentados do mundo. Mas, a polícia avisa, a posse de qualquer quantia ainda é um crime federal e os agentes da TSA podem encontrar seu estoque.

A porta-voz da TSA, Lorie Dankers, disse na quinta-feira (27) que os agentes não vão tirá-lo do avião, mas convocará a polícia que deverá lidar com isso.

“O foco da TSA está no terrorismo e nas ameaças de segurança para a aeronave e seus passageiros”, disse Dankers em um e-mail.

“O fato de o passageiro poder ou não viajar com maconha depende da discrição da lei”, acrescentou ela.

Se acontecer de um passageiro não transportar mais do que 28,5 gramas (cerca de uma onça), ou 8 gramas em forma concentrada, a polícia do aeroporto simplesmente o soltará.

“Porque não há crime”, disse a oficial do aeroporto Alicia Hernandez.

Ainda assim, a polícia adverte as pessoas a pensarem duas vezes antes de embarcar em férias cheias de cannabis.

“Os passageiros devem estar cientes de que as leis sobre a maconha variam de estado para estado e e por isso devem verificar as leis dos estados nos quais planejam viajar”, diz o comunicado divulgado no site flylax.com em janeiro passado, após a Califórnia ter legalizado a maconha recreativa.

Até agora, poucos ou nenhum outro aeroporto parece ter seguido o exemplo.

O Aeroporto Internacional de San Diego não tem política sobre o assunto, disse o porta-voz Jonathan Heller.

No Colorado, um dos primeiros estados a legalizar a maconha recreativa em 2012, ainda é ilegal trazê-la para o Aeroporto Internacional de Denver.

A porta-voz do aeroporto, Emily Williams, diz que isso acontece porque a posse ainda é um crime federal e a viagem aérea é governada por autoridades federais.

De qualquer forma, poucos foram pegos carregando maconha, disse ela, e para aqueles que têm a penalidade, a pena era pequena.

“Se for uma quantia pequena, a TSA e o Departamento de Polícia de Denver pedirão a essa pessoa que se desfaça dela e, se essa pessoa estiver disposta a fazer isso, ela seguirá viagem”, disse ela.

Ainda assim, o melhor conselho para os viajantes, diz Douglas Kidd, diretor executivo da Associação Nacional de Passageiros de Companhias Aéreas, é deixar seu estoque em casa. “Você sempre pode comprar mais quando chegar lá”, deixa a dica.

“A primeira coisa que a TSA vai fazer é se eles encontrarem algo que é ilegal para fins federais, se referir à lei local”, disse Kidd.

“Agora, as autoridades locais podem dizer: ‘Não vamos fazer nada’. Mas, mesmo assim, o atraso pode fazer com que você perca o seu voo.”, analisa.

Paulo Sergio
ADMINISTRATOR
PROFILE

Carousel

Deixe um comentário

Seu email não será compartilhado em nenhuma hipótese! Algumas areas serão necessárias preenchimento *

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Últimos

Autores

Videos

Todos os Direitos Reservados ao GUIA BRASIL AMÉRICA ®.